Considerando matéria veiculada por Portal deste Município e amplamente divulgada em redes sociais, acerca de cidadã portadora de grave doença, e que estaria fazendo apelo público para fins de custear exames, A SECRETARIA DE SAÚDE DO MUNICÍPIO DE MARI-PB vem de público esclarecer que:

1) A paciente A. M. L. APENAS compareceu nesta Secretaria no final da manhã do dia 14/08/2018 (terça-feira).

2) De acordo com a mesma, parte dos exames teria sido entregues a TERCEIROS , os quais foram protocolados nesta Secretaria no dia 30/07/2018. Entretanto, tais exames não descrevem a gravidade da doença sofrida pela portadora, bem como, não há solicitação de urgência ou descriminação da prioridade devida ao caso, ou mesmo a data de retorno agendada, passando assim ao agendamento de exames comuns, os quais necessitam de prazo para autorização de vaga pela Secretaria de Saúde de João Pessoa, responsável pela liberações nas clinicas e hospitais.

3) Todos os casos de câncer, quando de nosso conhecimento, são tratados com prioridade por esta Secretaria, sendo os mesmos solicitados por ofício justificando a urgência na marcação.

Que nesta data, após tomar conhecimento do fato, através da própria interessada, esta Secretaria, por seu setor competente, já está adotando todas as providências necessárias para a realização dos exames, de modo que os mesmos possam ser apresentado durante seu retorno médico, previsto para o dia 11 de outubro próximo.

Aproveitamos a oportunidade para informar a toda população mariense que as situações relacionadas aos casos de saúde são de caráter individual e que, por princípios éticos esta Secretaria não discute sobre os mesmos em meios de comunicação ou redes sociais. Da mesma forma, orienta seus profissionais a não fazê-lo.

Aproveitamos ainda, para informar que, os pacientes ou seus responsáveis, quando da necessidade de marcação de consulta ou exames DEVEM comparecer pessoalmente a Secretaria de Saúde, munido de toda a documentação necessária.

Por fim, esclarecemos que, o serviço de agendamento de consultas e exames são feitos de forma gratuita através do Sistema Único de Saúde- SUS, não havendo a necessidade de intermediadores ou qualquer ônus financeiro para o paciente.

Mari-PB, Em 14 de agosto de 2018.

EMANUELLE DA COSTA C. TRINDADE

Secretária de Saúde

COMPARTILHAR